buy Pregabalin mastercard

buy Pregabalin online uk

20/09/2016

A falta de cores vibrantes nas fotos em preto e branco faz você buscar a essência da fotografia.

É uma interpretação delicada da realidade.

Seguindo este conceito, eu gostaria de dividir com vocês a minha nova galeria chamada ‘Everything is Connected’ (Tudo está Conectado).

Esta é uma seleção de fotos tiradas em agosto de 2016, em Westminster e Finsbury Park, em Londres.

Fotos tiradas com a câmera Vilia 35mm.

368 total views, 1 views today

buy Pregabalin in the uk buy Pregabalin overnight delivery how to buy Pregabalin order Pregabalin overnight want to buy Pregabalin
buy Pregabalin mastercard

Pregabalin online no prescription

08/09/2016

Eu não consigo viver na rotina, então, eu fiz um auto-brainstorm e criei um novo mantra:

Pense fora da caixa, mantenha a curiosidade e seja criativa!

É como um aviso consciente de que eu posso fazer melhor. Com isso em mente, eu tenho fotografado cenas de Londres com minha nova/velha câmera que eu comprei num mercado das pulgas em Minsk, na Bielorrússia.

A Vilia é de 35mm produzida na fábrica MMZ BelOMO de Minsk, na Bielorússia (ex-URSS). A fábrica produziu 2 milhões de câmeras e a minha é a 53061 – talvez este seja o meu número da sorte :-).

Até agora eu já revelei dois filmes e gostaria de compartilhar com você algumas fotos de múltiplas de exposição.

Deixe seu comentário!

292 total views, no views today

Pregabalin no prescription how to purchase Pregabalin buy generic Pregabalin buy Pregabalin canada online buy Pregabalin online cheap
how to order Pregabalin, Pregabalin purchase canada

mail order Pregabalin

24/06/2016
buy Pregabalin india

Hoje, a primeira coisa que eu fiz quando acordei foi entrar no site da BBC. A chamada de capa era curta: UK vota por sair do UE.

cheap Pregabalin

A sensação imediata foi de vazio. Eu me arrumei rapidamente e saí para trabalhar. Enquanto caminhava sozinha na rua o pensamento constante era: ‘Algo mudou’.

Quando eu entrei no metrô logo vi a diferença. Pela primeira vez em quase seis anos que eu moro em Londres, as pessoas não estavam mexendo em seus celulares. Elas se encaravam profundamente como se perguntassem aos ingleses: você votou no referendo para eu ficar ou sair? Entre os europeus, a troca de olhares, tinha mais cara de: “E agora? O que a gente vai fazer?”

Eu cheguei em St James Park e fui ao Pret a Manger comprar o meu café da manhã. Ali eu diria que 90% dos trabalhadores são imigrantes. Eu peguei um sanduíche e segui até o caixa. O atendente me deu bom dia e perguntou como eu estava.

“Mais ou menos, né. Eu vou ter que sair.”

Os outros funcionários que estavam de costas preparando cafés ou assando croissants se viraram para mim. O caixa suspirou e me disse: “Eu também”.

Eu paguei o lanche e me despedi. Ele me desejou um bom dia e eu:

“Um bom futuro para todos nós”.

Expressar o que eu sinto tomaria páginas, mas para resumir, de alguma forma…

Eu não concordo com a saída do Reino Unido da União Europeia. Isso não é por eu morar na Inglaterra, mas pela maneira como as relações em geral estão caminhando. É o afastamento gradativo entre os humanos. Para mim sair da UE é um retrocesso cultural, social e de desenvolvimento. É a desvalorização da diversidade.

Segundo as estatísticas mostrada no site da BBC, a maioria dos jovens votaram para permanecer.

buy Pregabalin 150 mg

Entre os que trabalham comigo, muitos me disseram que seus pais votaram para sair.

“Os mais velhos escolheram o futuro que a maioria dos jovens não quer. Isso não faz nenhum sentido”, eu disse e eu também não entendo como alguns filhos de imigrantes votaram para sair.

Em seguida, teve o discurso do primeiro-ministro David Cameron renunciando o cargo após a vitória do Brexit.

“Agora já era”, meu irmão que também mora aqui me disse.

where can i buy Pregabalin over the counter

A frase que me mais me marcou do pronunciamento de Cameron foi:

“Eu farei o que puder como primeiro-ministro para manter o barco em equilíbrio nas próximas semanas e meses, mas eu não acho que é certo para mim ser o capitão que orienta o nosso país para o seu próximo destino”.

Nem ele acredita mais.

“O que eu vou fazer da minha vida?”, eu dramatizava. Um dos meninos que trabalha comigo ajeitou a camisa e me disse:

“Bom, se você quiser eu caso com você”.

Todos os outros ingleses bateram palmas e riram. Eu, a mulher independente, agora observa um novo cenário na Inglaterra. Uma amiga inglesa também se ofereceu para casar comigo.

Essas atitudes provam que existe solidariedade de muitos ingleses. Eles não querem que seus amigos europeus vão embora.

Eu também não quero ir, mas talvez chegou a nossa hora de descer do barco e deixá-lo partir. A única certeza que eu tenho é que a decisão de uma nação não controla o nosso destino.

#EusouUE #OneLove

319 total views, no views today

can i buy Pregabalin in mexico order Pregabalin online buy Pregabalin 150mg online buy cheap Pregabalin online can you buy Pregabalin in canada
i need to buy Pregabalin

cheap Pregabalin 150mg

16/06/2016

Dois meses atrás eu participei de uma competição para um festival de curtas.

O tema era a inglesa Amy Johnson (1903-1941), a primeira mulher a pilotar sozinha partindo da Inglaterra com destino à Austrália em 1930.

Inspirada por essa aventura, eu escrevi o roteiro, produzi e dirigi o filme I’ll get there’ (Eu chegarei lá) estrelado por Michelle Seashell.

Nessa semana eu recebi um email com a notícia. O meu filme foi rejeitado.

A princípio eu me senti frustrada, mas depois de um tempo eu decidi relaxar afinal ser rejeitada faz parte da vida. A rejeição não determina o futuro, é apenas um fato no passado.

Todas as vezes que eu assisto ao curta eu adoro! Para mim o filme é lindo, poético, positivo e sensível.

Assista ao filme e deixe a sua opinião.

286 total views, no views today

buy Pregabalin australia Pregabalin 150mg buy where to buy Pregabalin 150mg can i buy Pregabalin over the counter in usa buy Pregabalin online in uk